Parque Estadual do Ibitipoca: IEF prorroga suspensão de visitas na unidade

Imagem de capa: Evandro Rodney

O Instituto Estadual de Florestas (IEF) prorrogou, nesta quarta-feira (15/4), os efeitos da Portaria 48, que suspende as visitas em Unidades de Conservação do Estado administradas pelo órgão. A medida é preventiva à disseminação do Coronavírus e atende à determinação do art 8º, da Deliberação 47.866, do Comitê Extraordinário Covid-19 do Governo de Minas Gerais.

Inicialmente publicada pelo IEF em 17 de março, a Portaria 48 previa a suspensão das visitas por 30 dias. Com a prorrogação da norma, o IEF determina o impedimento da visitação por tempo indeterminado. A situação só será revista após orientações do Comitê Extraordinário Coivid-19.

O objetivo com a decisão é evitar aglomeração de pessoas nas unidades de conservação, o que pode favorecer a contaminação pelo vírus. Em Minas, segundo o último boletim epidemiológico da Secretaria de Estado e Saúde (SES) disponível, de 16 de abril, já são 958 diagnósticos comprovados e 33 óbitos confirmados em decorrência da Covid-19.

 

O IEF administra 93 unidades de conservação no Estado, das quais 21 são abertas ao uso público. Entre as unidades com visitas suspensas estão reservas conhecidas e de grande procura pela população de Minas, de outros estados e até mesmo de fora do país. Caso do Parque Estadual do Ibitipoca, no distrito de Conceição do Ibitipoca, na Zona da Mata. A unidade teve cerca de 90 mil visitantes em 2019 e tem muitas atrações famosas, como a Janela do Céu e o Circuito das Águas e o Circuito do Peão.

Na Região Metropolitana de Belo Horizonte, estão o Parque Estadual da Serra do Rola Moça, em Nova Lima, que teve cerca de 50 mil visitantes no ano passado; e as Grutas da Rota Lund, região cárstica mineira que concentra importantes riquezas históricas, culturais e ambientais desta região que inspirou as andanças do Peter Lund, famoso por suas descobertas arqueológicas e paleontológicas. Juntas, as grutas receberam cerca de 80 mil visitantes em 2019.

No Vale do Jequitinhonha, têm destaque o Parque Estadual do Biribiri, em Diamantina, com cerca de 70 mil visitantes, e ainda o Parque Estadual do Rio Preto, no município de São Gonçalo do Rio  Preto.

Fonte: Carlos Santos

Jornalista/ Repórter/ Assessor – Assessor de Comunicação na Prefeitura de Lima Duarte e Diretor Geral no LD Notícias. Já trabalhou como produtor da Rádio Premium FM 107,7 e Diário Regional. Passou também pela TVE/JF e foi repórter da Rádio Globo JF.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *